quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Pão de Zaatar

Aquela minha história de viajar na comida, não, não foi proposital, mas ao dar a primeira mordida nesse pão eu viajei... Um pão perfeito, recheado com azeite e zaatar uma mistura de temperos de origem árabe que é tradicionalmente feita com gergelim, tomilho e sumagre que confere acidez. O nome vem de seu principal ingrediente, o zahatar, uma espécie de tomilho que cresce no Oriente Médio.







 Ingredientes:

50g de fermento biológico fresco
2 colheres (sopa) de açúcar refinado
1 ½ xícara de leite morno
1 colher (sopa) de azeite extra-virgem
3 colheres (sopa) de coalhada
1 colher (sopa) sal
1 colher (sopa) de manteiga
4 xícaras de farinha de trigo

Cobertura:

2 colheres (sopa) de zaatar
¼ xícara de azeite extra-virgem

Modo de preparo:

Numa tigela grande, desmanche o fermento no açúcar. Junte a coalhada, o azeite, a manteiga e o leite morno. Acrescente a farinha de trigo aos poucos e o sal enquanto sova a massa. Deixe descansar por 30 minutos na tigela coberta com filme-plástico. Enquanto isso, numa tigelinha, misture o zaatar com o azeite e reserve. Unte uma forma de bolo inglês grande, com azeite e farinha de trigo e disponha a massa. Espalhe a mistura do zaatar e faça furos profundos com os dedos para penetrar a cobertura na massa. Deixe crescer por mais 20 minutos e leve para assar em forno pré-aquecido a 200º por aproximadamente 30 minutos ou até que doure. Retire do forno, espere esfriar um pouco – por cerca de 10 minutos. Desenforme-o e coloque sobre uma grade. Sirva puro, ou acompanhado de coalhada seca ou patês.

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Bolo Toalha Felpuda

Lembro quando preparei pela primeira vez esse bolo que era conhecido por esse nome por causa da textura do coco ralado. Foi o suficiente para ele nunca mais sair do caderno de receitas. Na década de 1980, era colocado numa caixa de isopor redonda, decorada como se fosse um bolo. Como se esquecer desse hit das festas infantis?








 Ingredientes:

Massa:

5 ovos em temperatura ambiente
1 ½ xícara / 300 g de açúcar
1 ½ xícara / 225 g de farinha de trigo
1 colher (chá) / 5 g fermento em pó
1 xícara / 250 ml leite integral

Calda:

1 lata / 395 g de leite condensado
¾ de xícara (chá) / 200 ml leite de coco
1 ¾ de xícara (chá) / 400 ml leite integral

Finalização:

150 g coco ralado seco em flocos


Modo de preparo:

Massa:

Pré-aqueça o forno a 180ºC (temperatura média). Prepare uma assadeira retangular de cerca de 30 x 20 cm: unte com uma camada fina de manteiga e polvilhe com farinha de trigo; chacoalhe bem para cobrir fundo e laterais e bata no fundo, sobre a pia, de modo que o excesso caia na cuba.  Numa tigela, junte a farinha com o fermento e misture bem.  Em duas tigelas, separe as claras das gemas. Misture as gemas. Na batedeira, bata as claras até que fiquem em ponto de neve. Junte as gemas e misture com cuidado. Por último, junte o açúcar e bata mais um pouco. Pare de bater e adicione 1/3 da farinha; com uma espátula, misture fazendo movimentos leves, de baixo para cima, para preservar o ar na massa. Regue com a metade do leite e misture até incorporar, sempre com movimentos leves. Repita o procedimento, juntando mais 1/3 da farinha, depois a outra metade do leite, e termine com o 1/3 restante da farinha. Esse método evita que você mexa excessivamente a massa e ainda facilita a incorporação dos ingredientes.


Calda:

Numa jarra, misture todos os ingredientes. Com um palitinho, faça furos por todo o bolo. Isso vai facilitar a penetração da calda. Regue a calda sobre o bolo ainda quente. Leve o bolo à geladeira por pelo menos 2 horas antes de consumir.

Finalização:

Espalhe o coco num prato raso ou tigela grande. Retire o bolo da geladeira, corte em 12 quadrados e empane cada um, pressionando no coco ralado. Sirva a seguir ou, se preferir, embale individualmente em papel-alumínio.

Bolo Piña Colada

Uma das receitas que eu planejava fazer havia tempo era este bolo, que me foi dada por uma amiga querida e que combina duas de minhas paixões: abacaxi e coco. O bolo fica úmido e saboroso, com um toque alcoólico – perfeito! Estou esperando uma ocasião especial para prepará-lo novamente J












Ingredientes:

Massa:

Bolo:

4 ovos (50g cada)
140g de açúcar refinado peneirado
180g de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de amido de milho
1 pitada de sal
1 colher (chá) de óleo vegetal
1 colher (chá) de essência de baunilha
125ml de água fervente
2 colheres (chá) de fermento em pó

Calda para umedecer o bolo:

Cascas do abacaxi
200 ml de água
1/4 xícara de açúcar refinado
3 cravos-da-índia
160ml de rum (claro ou escuro), para montar o bolo



Recheio de abacaxi:

1 abacaxi grande
1/2 xícara de açúcar refinado

Cobertura e recheio: buttercream de coco:

3 claras
1 pitada de sal
1 xícara (200g) de açúcar refinado
¼ xícara (60ml) de água
280g de manteiga sem sal, temperatura ambiente
2/3 xícara (160ml) de leite de coco, sem adição de açúcar

Para decorar:

100g de coco em flocos adoçados, levemente tostados (se desejar)
1 fatia de abacaxi
Cascas de limão

Modo de preparo:

Massa:

Pré-aqueça o forno a 200ºC. Unte e forre o fundo de uma forma redonda de 25cm de diâmetro com 5cm de altura com papel manteiga. Na tigela grande da batedeira, bata os ovos com o açúcar em velocidade máxima por 10 minutos. Enquanto isso, numa tigela peneire a farinha de trigo, o amido de milho e o sal. Passados os dez minutos, abaixe a velocidade da batedeira até o mínimo e despeje a água fervente aos poucos, o óleo e a baunilha. Adicione a mistura da farinha aos poucos, mas rapidamente. Desligue a batedeira e acrescente o fermento em pó. Despeje a massa na assadeira e leve ao forno pré-aquecido a 200ºC por 35 minutos ou até que um palito inserido no centro do bolo saia limpo. Espere uns 10 minutos até esfriar e desenforme sob um prato forrado com guardanapo de papel (este procedimento fará com que o papel absorva a umidade do bolo). Retire o papel manteiga com cuidado.

Recheio de abacaxi:

Lave bem o abacaxi antes de cortá-lo (pois você usará as cascas). Descasque-o, corte uma fatia para a decoração do bolo e pique finamente o restante. Leve a fatia do abacaxi e o abacaxi picado ao fogo com o açúcar, até cozinhar bem – aproximadamente 15 minutos. Escorra a fatia do abacaxi e reserve para a decoração do bolo. Retire o excesso de líquido e misture à calda para umedecer o bolo. Mantenha o abacaxi picado no fogo até ficar com consistência de geleia. Deixe esfriar completamente antes de usar – esta geleia pode ser preparada um dia antes e mantida na geladeira.

Calda para umedecer o bolo:

Com as cascas do abacaxi (bem lavadas) faça um chá com a água, os cravos-da-índia e o açúcar. Deixe ferver durante uns 5 minutos. Desligue o fogo, coe e descarte as cascas e os cravos-da-índia. Junte o rum e a calda do cozimento do abacaxi. Empregue depois de fria.

Cobertura e recheio: buttercream de coco:

Coloque as claras e o sal na tigela grande da batedeira – você vai usar o batedor de arame para esta etapa da receita. Misture o açúcar e a água numa na panelinha e leve ao fogo médio, mexendo até o açúcar dissolver. Deixe ferver e então não misture mais – ferva até a mistura chegar à temperatura de 114°C (use um termômetro culinário).
Bata as claras em velocidade média até espumarem. Vá acrescentando a calda quente aos poucos, em fio, pela lateral da tigela (se a calda atingir o batedor vai espirrar). Acrescente toda a calda e continue batendo até o merengue chegar à temperatura do seu corpo. Com a batedeira em velocidade baixa, vá juntando a manteiga, várias colheradas por vez, e bata até conseguir uma cobertura cremosa e homogênea. Comece a acrescentar o leite de coco, em várias adições, raspando as laterais da tigela com uma espátula a cada adição. Meça 1 xícara de cobertura e misture à geleia de abacaxi para fazer o recheio do bolo.

Montagem do bolo:

Coloque uma camada de bolo, com o lado reto para cima, em um prato de bolo.  Umedeça com 1/3 da calda. Espalhe a metade do recheio sobre o bolo. Cubra com o segundo bolo, umedeça com mais 1/3 da calda e espalhe o recheio restante. Finalize com o último bolo e umedeça-o com o restante da calda. Cubra o topo e as laterais do bolo com o buttercream restante. Decore as laterais do bolo com o coco em flocos e arrume a fatia de abacaxi reservada sobre o bolo com a casca do limão cortada em tira bem fininha – se necessário descasque o limão e acerte com o auxílio de uma tesoura culinária bem afiada.




Bolo de Banana Caramelada

Se eu precisasse fazer uma lista com os 10 melhores bolos do mundo, ou pelo menos do meu mundo, certamente incluiria este, que ganha a gente pelo aroma e traz no sabor a lembrança de infância, quando as famílias preparavam o bolo para receber a visita dos parentes e amigos. Para mim, ele sempre vem recheado de sorrisos largos e abraços apertados.












Ingredientes:

Calda e Cobertura:

1 xícara/200 g açúcar refinado
½ xícara/125 ml de água
5 a 6 bananas nanicas


Massa:

200 g manteiga sem sal em temperatura ambiente
1 xícara /200 g açúcar refinado
1 ¼ de xícara/200 g farinha de trigo
½ xícara/ 60 g farinha de nozes
2 colheres (chá) de fermento em pó
1 colher (sopa) de rum
4 ovos

Modo de preparo:

Calda e Cobertura:

Corte as bananas em rodelas de 1,5 cm.  Numa panela, junte o açúcar e a água e misture até o açúcar dissolver, agitando a água o mínimo possível. Leve ao fogo médio, até caramelizar, cerca de 15 a 20 minutos. Com a presença de líquido, o açúcar pode cristalizar – isso é uma mudança física normal causada pela agitação. Se acontecer, não se desespere: basta continuar com o fogo baixo, até que o açúcar derreta novamente e caramelize. Se ainda assim as bordas continuarem queimando ou cristalizando, passe um pincel de cerdas macias com um pouco de água na parte de dentro da panela, evitando o contato do pincel com a calda. Isso impede o açúcar queime e atrapalhe todo o processo.  Transfira imediatamente para uma fôrma redonda de cerca de 30 cm de diâmetro e gire até cobrir fundo e laterais. Com cuidado para não se queimar, disponha as bananas preenchendo o fundo da fôrma.

Massa:

Pré-aqueça o forno a 180 ºC (temperatura média), 10 minutos antes de começar a receita. Numa tigela, misture a farinha de trigo, a de nozes e o fermento. Leve uma chaleira com água ao fogo baixo (essa água será usada para fazer um banho-maria).  Na batedeira, junte a manteiga e o açúcar e bata até criar um creme fofo e esbranquiçado.  Junte os ovos, um a um, e bata bem entre cada adição. Regue com o rum. Em seguida, adicione os ingredientes secos e bata apenas para misturar. Transfira a massa para a fôrma preparada. Coloque a fôrma dentro e uma assadeira e leve ao forno pré-aquecido. Regue a assadeira com a água fervente para assar o bolo em banho-maria. Feche o forno e deixe assar por 45 minutos.  Retire o bolo do forno e deixe esfriar por 5 minutos. Para desenformar, coloque um prato sobre a fôrma e vire de uma vez. Caso o bolo esfrie completamente na fôrma, antes de desenformar, coloque em banho-maria para que o caramelo derreta.









Fonte: Joyce Galvão

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Bolo Ouro Branco

Agradeço de coração aos votos recebidos pelo meu aniversário...vocês são muito especiais pra mim! Fiquei devendo a receita do bolo. É com grande prazer que compartilho com vocês. Este bolinho foi preparado faz já algum tempo, mas acho que talvez não seja tarde demais para relembrá-lo!












Ingredientes:


Bolo:

4 ovos (50g cada)
140g de açúcar refinado peneirado
180g de farinha de trigo
1 colher (sopa) de amido de milho
1 pitada de sal
1 colher (chá) de óleo vegetal
1 colher (chá) de essência de baunilha
125ml de água fervente
2 colheres (chá) de fermento em pó

Calda para umedecer o bolo:

½ lata de leite condensado
200 ml leite integral
1 caixa de creme de leite
6g de gelatina incolor sem sabor hidratada com 5 colheres (sopa) de água

Primeiro recheio: doce de leite cozido e crocante:

2 latas de leite condensado cozido por 25 minutos em panela de pressão e frio
Crocante:
2 xícaras de açúcar refinado
1 xícara de nozes grosseiramente picadas
2 colheres (sopa) de leite em pó

Segundo recheio: mousse e chocolate branco picado:

200g de chocolate branco picado para a mousse
200ml de creme de leite fresco
1 clara
1 colher (sopa) de açúcar
200g de chocolate branco para o recheio (*)

Cobertura – Buttercream de Coco:

3 claras
1 pitada de sal
1 xícara (200g) de açúcar refinado
¼ xícara (60ml) de água
280g de manteiga sem sal, temperatura ambiente
2/3 xícara (160ml) de leite de coco, sem adição de açúcar

Para decorar:
12 bombons Ouro Branco
Calda de chocolate escuro
Raspas de chocolate branco

Modo de preparo:

Bolo:

Pré-aqueça o forno a 200ºC. Unte e forre o fundo de uma forma redonda de 25cm de diâmetro com 5cm de altura com papel manteiga. Na tigela grande da batedeira, bata os ovos com o açúcar em velocidade máxima por 10 minutos. Enquanto isso, numa tigela peneire a farinha de trigo, o amido de milho e o sal. Passados os dez minutos, abaixe a velocidade da batedeira até o mínimo e despeje a água fervente aos poucos, o óleo e a baunilha. Adicione a mistura da farinha aos poucos, mas rapidamente. Desligue a batedeira e acrescente o fermento em pó. Despeje a massa na assadeira e leve ao forno pré-aquecido a 200ºC por 35 minutos ou até que um palito inserido no centro do bolo saia limpo. Espere uns 10 minutos até esfriar e desenforme sob um prato forrado com guardanapo de papel (este procedimento fará com que o papel absorva a umidade do bolo). Retire o papel manteiga com cuidado.

Calda para umedecer o bolo:

Em uma panelinha, leve ao fogo o leite condensado, o leite integral e o creme de leite até ferver. Junte a gelatina previamente dissolvida na água e derretida no micro-ondas potência alta por 20 segundos. Utilize à temperatura ambiente.

Crocante:

Levar o açúcar ao fogo até caramelar.  Derramar sobre o granito untado com manteiga. Polvilhar as nozes por cima. Deixe esfriar, quebre em pedaços e leve ao processador e dê pulsadas leves para triturar a gosto. Misture o leite em pó e reserve.

Segundo recheio: mousse e chocolate branco picado:


Derreta os 200g de chocolate com ¼ xícara do creme de leite em banho-maria. Misture até obter um creme brilhante. Retire do fogo e reserve até que esteja em temperatura ambiente.
Bata o creme de leite restante até chegar ao ponto de chantilly. Numa outra tigelinha bem seca e limpa, bata a clara com o açúcar até obter um merengue brilhante e firme.
Misture o merengue ao creme de chocolate branco e misture delicadamente. Junte o chantilly e mexa rapidamente – não misture demais para não arruinar a textura da mousse. Mantenha na geladeira até a hora de usar. Reserve os outros 200g para espalhar por cima do recheio na montagem do bolo.

Cobertura – Buttercream de Coco:

Coloque as claras e o sal na tigela grande da batedeira – você vai usar o batedor de arame para esta etapa da receita. Misture o açúcar e a água numa na panelinha e leve ao fogo médio, mexendo até o açúcar dissolver. Deixe ferver e então não misture mais – ferva até a mistura chegar à temperatura de 114°C (use um termômetro culinário). Bata as claras em velocidade média até espumarem. Vá acrescentando a calda quente aos poucos, em fio, pela lateral da tigela (se a calda atingir o batedor vai espirrar). Acrescente toda a calda e continue batendo até o merengue chegar à temperatura do seu corpo. Com a batedeira em velocidade baixa, vá juntando a manteiga, várias colheradas por vez, e bata até conseguir uma cobertura cremosa e homogênea. Comece a acrescentar o leite de coco, em várias adições, raspando as laterais da tigela com uma espátula a cada adição. 

Montagem do bolo:

Corte o bolo em três partes. Umedeça com 1/3 da calda. Espalhe o primeiro recheio e por cima o crocante. Disponha a segunda camada do bolo, umedeça com mais 1/3 da calda e espalhe o segundo recheio e sobre este as raspas de chocolate branco. Finalize com a última camada do bolo. Cubra o topo e as laterais do bolo com a cobertura e alise com uma espátula. Espalhe as raspas de chocolate branco e a calda de chocolate escuro e finalize com os bombons Ouro Branco cortados ao meio.


(*) Na receita original, no recheio da mousse de chocolate, são acrescentados os bombons Ouro Branco picados. Eu pessoalmente não aprecio, pois acho que entre as duas partes do bolo, o recheio dos bombons amolecem. Com chocolate picado fica mais crocante e na minha opinião, muito mais saboroso. Na cobertura, observe que o recheio dos bombons, não ficam em contato com a cobertura do bolo.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

40.290 VISUALIZAÇÕES - OBRIGADA!

40.290 visualizações/382 postagens no blog: http://repaginandoreceitastv.blogspot.com.br/ iniciado há pouco mais de 1 ano, precisamente em 21/01/2013, com ajuda de famíliares e amigos.
Deixo aqui o meu muito obrigada à todos pelo carinho e incentivo.

E para você, leitor, quero que saiba que continua muito bem-vindo por aqui. E reitero o convite: sinta-se à vontade para puxar um banquinho e sentar e, sempre que quiser, comentar, perguntar, sugerir. A casa é sua!

Água Aromatizada com Limão e Hortelã

Não me lembro de termos tido nos últimos tempos um verão tão absurdo, com temperaturas tão altas e sem nenhuma chuva como temos presenciado nestes últimos meses. A "coisa" está feia, haja imaginação para dar conta de tanto calor!
Sou fã de refrigerante, infelizmente tenho que confessar, uma Coca Zero pra mim é alegria pura. Mas de tanto ouvir por aí que Coca Cola faz mal, Coca Cola faz mal, resolvi, quer dizer, tenho resolvido aos poucos, trocar a minha amada Coca por líquidos mais saudáveis. Sucos naturais e água fresca têm entrado na minha vida pra valer, ainda que eu morra de saudades da bendita! Outro dia, num calor fenomenal, recebi alguns amigos em casa e na falta de algo mais adequado, servi foi água mesmo, mas assim, com fatias de limão e folhinhas de hortelã da minha horta e bastante gelo, a jarra ficou até bem simpática, e todo mundo gostou; até eu...hehehe...confesso que pela primeira vez não senti falta da Coca Cola!



Veja também no blog: http://repaginandoreceitastv.blogspot.com.br/2013/12/agua-aromatizada-com-carambola.html








Fonte: Renata Boechat






sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Salada de Feijão-Fradinho

Linda, deliciosa e prática, a salada de feijão-fradinho impressiona no paladar. Ótima entrada para um jantar mais elegante ou como prato principal numa noite mais descontraída.








Ingredientes:

Salada:

500 g de feijão-fradinho
1 cebola média picada
1 pitada de sal e 1 colher (sopa) de vinagre de vinho tinto ou branco (para macerar a cebola)
1 colher (sopa) de vinagre de vinho tinto ou branco (para macerar a cebola)
¼ de xícara de salsa picada
1 colher (chá) de pimenta-do-reino moída na hora
1/3 de xícara de azeite
2 colheres (sopa) de vinagre de vinho branco
1/2 colher (chá) de sal
1/2 maço de escarola lavada e picada
1 tomate sem sementes cortado em cubos
1/2 pepino cortado em cubos
½ pimentão amarelo picado
½ pimentão vermelho picado

Molho:

4 colheres (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de vinagre balsâmico
1 colher (chá) de pimenta-do-reino moída na hora
1 cebola roxa pequena bem picada
2 colheres (sopa) de cheiro-verde picado
1 colher (chá) de sal

Modo de preparo:

Salada:

Deixe o feijão de molho de um dia para o outro. Coloque em uma panela, cubra com água e cozinhe no fogo brando até ficar macio. Se necessário acrescente mais água, mas cuidado para não desmanchar. Em uma tigelinha coloque a cebola picada e cubra com água, a pitada de sal e o vinagre. Deixe por 15 minutos. Escorra e reserve. Escorra também o feijão, coloque em uma tigela e, ainda quente, tempere-o com a cebola, os pimentões, a salsa, a pimenta, o azeite, o vinagre e o sal. Deixe esfriar, junte a escarola, o tomate e o pepino.

Molho:

Em uma tigela misture bem o azeite, o vinagre balsâmico, a pimenta-do-reino, a cebola, o cheiro-verde e o sal. Coloque-o em uma molheira e sirva com a salada.

Salada de Camarão, Manga e Abacate

Tá fazendo calor aí? (essa pergunta só vale para quem está em solo brasileiro...tenho tido notícias que a Europa está congelando!!!!) Pois aqui faz calor de dia e de noite, das seis da manhã às seis da manhã do outro dia...um verdadeiro sufoco...Saladinha é uma solução nesse tempo...engana a fome, e às vezes até refresca...Olha essa aqui por exemplo, coisa mais fácil do mundo...dá trabalho nenhum! Gostou? Então, vai, aproveita que as mangas estão por toda parte, lindas, grandonas, perfumadas....e que você também está sofrendo com o calorão, e faz essa salada, você vai adorar!~


Ingredientes

3 colheres de sopa de suco de limão fresco
2 colheres de sopa de azeite
1 colher (café) de açúcar
2 mangas Palmer médias maduras picadas em cubos (*)
1 abacate picado
2/3 xícara de cebola picada
Coentro picado, a gosto
3 ramos de rúcula
Sal, a gosto
1 colher de sopa de pimenta vermelha sem as sementes picadinha
1/2 kg de camarões médios (descascados e sem as vísceras. Temperados com sal e pimenta-do-reino moída na hora, ligeiramente selados na frigideira com azeite – dois minutos de cada lado)

Modo de preparo:

Em uma tigela grande, misture o suco de limão, azeite e açúcar até dissolver o açúcar. 
Adicione à tigela as mangas e abacates cortados em cubos.
Adicione a rúcula, a cebola picada, coentro, pimenta, camarão e acerte o sal.
Misture delicadamente. Sirva fria.

(*) Usei a manga tipo “Palmer” por quase não possuir fibra. Pode usar a “Haden” também, mas ela contém mais fibra.

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Conchiglione com Espinafre, Requeijão e Nozes

Quem me conhece sabe o quanto eu gosto de massas. Gosto de usar massas diferentes nos pratos que preparo e reinventar com elas receitas novas. E a vantagem das massas é que tanto podem ser comidas frias ou quentes o que, de verão, nos permite dar asas à imaginação e fazer deliciosas saladas, e no inverno, elaborar deliciosos e reconfortantes pratos de forno. E estes Conchiglionis, são ótimos para esses pratos de forno, pois podem ser recheados com o que mais gostarmos, polvilhamos com um pouco de queijo, umas sementes, ou frutos secos et voilá, em menos de meia hora temos pronta uma deliciosa refeição. Para o recheio usei o requeijão e ervas aromáticas (manjericão e tomilho), que ficam excelentes neste tipo de preparo. Envolvi-os, juntamente com o espinafre em molho bechamel.







Ingredientes:

250 g de Conchiglione
1 maço de espinafre
5 colheres (sopa) de azeite
3 colheres (sopa) de óleo
4 dentes de alho
Sal, a gosto
Pimenta-do-reino branca moída da hora, a gosto
250 g de requeijão cremoso
Manjericão e tomilho picados, a gosto
50 g de nozes picadas + ½ xícara para polvilhar
100 g de queijo parmesão ralado

Molho Bechamel:

500 ml de leite integral
1 caixa de creme de leite
2 colheres (sopa) de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de manteiga
½ cebola
1 folha de louro
1 cravo-da-índia
50 g de queijo parmesão ralado
Sal, pimenta-do-reino branca e noz moscada moídas na hora, a gosto

Modo de preparo:

Molho Bechamel:

Em um recipiente misture a manteiga e a farinha e mexa até virar uma massa firme (roux). Reserve. Use o cravo para prender o louro na cebola, de forma que a folha fique fixa. Em uma panela aqueça o leite. Junte a metade da cebola com o cravo e o louro espetado. Deixe ferver por pelo menos 5 minutos. Desligue o fogo, retire a cebola com o louro e o cravo, descartando-a. Acrescente o leite ao roux. Bata vigorosamente até que a massa de farinha dissolva no leite. Adicione o creme de leite e volte a mistura ao fogo (baixo). Deixe cozinhar por mais 15 minutos sem parar de mexer. Acrescente o queijo parmesão ralado, a noz-moscada e a pimenta-do-reino, acerte o sal e reserve.

Recheio:

Lave o espinafre e corte as folhas em julienne e reserve. Numa frigideira coloque os dentes de alho picados e o óleo e o azeite. Leve ao fogo, quando o azeite começar a ferver, adicione o espinafre, uma pitada de sal e salteie até que os espinafres reduzam e fiquem cozidos. Esmague o requeijão com um garfo, acrescente o manjericão e o tomilho e adicione-os ao espinafre. Junte as nozes picadas grosseiramente e o molho bechamel. Envolva tudo muito bem.

Conchiglioni:

Leve uma panela grande ao fogo com cerca de 2,5 litros de água e uma pitada de sal e deixe ferver. Adicione as conchas e cozinhe em fogo médio até ficar al dente (cerca de 10 minutos). Quando as conchas estiverem cozidas, retire-as do fogo, escorra-as e recheie-as com o espinafre.
Disponha-as num refratário, untado com manteiga. Polvilhe com algumas nozes picadas e o queijo parmesão ralado.
Leve ao forno pré-aquecido a 200ºC, sobre uma assadeira, até gratinar, cerca de 10 minutos.

Olho de Sogra Caramelado


Uma mordida é suficiente para romper a fina casca de caramelo, que envolve um recheio conhecido: coco, leite condensado, açúcar cristal, manteiga e gemas.  O doce é simples de fazer. A massa não tem erro. É só mexer e pronto. Mas isso não quer dizer que a receita não tenha segredinhos: tem que deixar descansar de um dia para o outro. Se não for possível esperar tanto tempo, quatro horas são suficientes. Assim, ela ganha firmeza e não corre o risco de desmanchar antes da casquinha - ou, pior, da festa.




 Ingredientes:

Olho de Sogra:

1 lata de leite condensado
3 colheres (chá) de açúcar cristal
100 gramas de coco ralado
1 colher (sobremesa) de margarina
2 gemas
250 gramas de ameixas pretas sem caroço

Calda caramelada:

2 xícaras de açúcar cristal
1 xícara de água
2 colheres (sopa) de vinagre

Modo de preparo:

Olho de Sogra:

Leve ao fogo todos os ingredientes, menos as ameixas, mexendo sem parar por 13 minutos. Despeje num refratário untado com margarina, deixe esfriar e reserve. deixe a massa descansando por, no mínimo, 4 horas, coberta com plástico-filme. O ideal é que ela descanse de um dia para o outro, assim, fica firme por mais tempo. Corte as ameixas ao meio, Unte as mãos com manteiga, pegue porções do doce com ajuda de uma colher de chá, enrole finalizando com a ameixa. Reserve.

Calda caramelada:

Numa panela, coloque todos os ingredientes (exceto o vinagre, quando começar a ferver, acrescente-o - ele evitará que o caramelo fique melecado). Misture bem antes de levar ao fogo. Deixe ferver até dourar, ou no ponto-de-quebrar. Teste numa xícara de água fria, quando estalar estará no ponto. Atenção: não mexa em nenhum momento. Tire do fogo e mergulhe ligeiramente cada docinho (espetado em um palito) na calda e depois vá colocando numa forma untada com um pouco de óleo.  Depois que a calda secar, retire os palitos e arrume os docinhos em forminhas de papel.

Salada de Rúcula e Manga com Molho de Canela

No calorão danado, comer salada é tudo que se quer. Em casa nós gostamos muito de salada! Até mesmo no inverno naquelas noites que não são tão geladas uma saladinha cai bem antes de um pedaço de torta ou de uma sopinha gostosa. Hoje fui de salada de rúcula na hora do almoço. Mas não foi uma salada qualquer... Uma salada de rúcula com manga e tomates-cereja, regados com um molho pra lá de especial! Azeite, mostarda e canela fizeram uma maravilhosa combinação... Olha só!

Ingredientes:

Molho:
2 colheres (sopa) de vinagre balsâmico
1 colher (sopa) de mostarda (gosto da dijon, mas pode ser a comum)
2/3 de xícara (chá) de azeite
Sal e pimenta-branca a gosto
1  colher (café) de canela


Bata o vinagre com a mostarda e adicione o azeite em fio fino até engrossar.
Tempere com o sal, a pimenta e a canela e mexa delicadamente.


Salada:

1 maço de rúcula
1 manga cortada em cubos
1/2 xícara (chá) de tomates-cereja cortados ao meio


Lave as folhas de rúcula e os tomates, disponha no recipiente que vai servir juntamente com os pedaços de manga, regue com o molho e sirva imediatamente.

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Sorvete de Frutas

Calor!!! 
Sorvete de Frutas Rápido e Delicioso!

Ingredientes: 
• 1 lata de leite condensado
• 1 lata de creme de leite
• frutas de sua preferência


Modo de preparo:


1. Bata os ingredientes no liquidificador; leite condensado, creme de leite e a fruta que você vai querer o sorvete.
2. Coloque nas forminhas pode ser em copos, os palitinhos se você não tiver improvise com colheres, etc...
3. Adicione se quiser sua fruta preferida em pedaços grandes como na imagem, fica divino…
4. Coloque no freezer para congelar.
Prontinho... agora é só se deliciar!

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Calzone com Atum e Muçarela de Búfala

Essa receita é ideal para o lanche da tarde ou fim de semana. Massa fininha com recheio de atum, muçarela de búfala e cebola roxa. Uma delícia para toda família.








Ingredientes:

Massa:

1/2 kg de farinha de trigo;
1 copo (200ml) de água morna;
30 gramas de fermento biológico fresco;
1/3 de xícara (chá) de óleo de canola;
2 colheres (chá) de sal;
1 colher (café) de açúcar.
Molho:
2 tomates picados
1 cebola roxa picada
folhas de manjericão fresco
Sal e orégano a gosto

Recheio:
1 lata de atum em água
200 g de muçarela de búfala

Modo de preparo:

Molho:

Leve ao processador os tomates, a cebola, o sal, as folhas de manjericão e o orégano. Dê umas 4 pulsadas e deixe numa peneira para escorrer. Reserve.

Massa:

Dissolva o fermento em água morna. Junte o óleo, o sal e o açúcar. Vá adicionando a farinha trabalhando com as mãos até obter uma massa homogênea. Caso necessite de mais farinha, pode colocar. Trabalhe esta massa por uns 15 minutos ou até ficar lisa e soltando bolhas de ar. Deixe descansar por uns 40 minutos, coberta com plástico-filme. Separe a massa em dois. Abra a massa em forma de pizza, pincele um pouco de azeite sobre ela. Coloque o molho reservado e espalhe o recheio. Deixe as bordas sem recheio. Coloque outro disco de massa por cima do recheio e una bem as bordas para o recheio não vazar. Leve ao forno pré-aquecido a 250°C até dourar.

Dica: se quiser, faça outro recheio como ricota com peito de peru ou quatro queijos ou ainda de calabresa moída com queijo.